Caviahue

Origem do nome: Caviahue, do mapudungun lugar sagrado de festa e reunião. Copahue, do mapudungun lugar que cheira a enxofre.

Como chegar: Ruta Provincial 26 ou 27.

Temperaturas no verão: Média máxima 25ºC / Média mínima 10ºC

Temperaturas no inverno: Média máxima 10ºC / Média mínima 2ºC

Distância até Neuquen Capital: 379 km.

Distância até a Buenos Aires: 1495 km.

Secretaria de Turismo: 8 de Abril s/n | Tel +54 2948 495036

Posto de gasolina: Não


Vista de Caviahue y el lago homónimo - Foto: Leo Becari


O maravilhoso centro turístico Caviahue-Copahue está situado nos arredores da passagem internacional argentino-chilena, ao pé do vulcão Copahue (2925 metros acima do nível do mar) e o acesso é pela RP 26 desde a cidade de Zapala e pela RP 27. Estes dois centros turísticos estão separados por 16 km mas pertencem ao mesmo município.

Caviahue encontra-se às margens do grande espelho de águas turquesas do mesmo nome situado a 1600 metros acima do nível do mar.

O relevo da área foi modelado pela intensa atividade vulcânica de 4,5 milhões de anos associada à formação dos Andes e pelos gelos que cobriram a região há 30.000 anos atrás. As águas termais e sulfurosas, as colunas basálticas, os vales em forma de U e a cratera ativa do vulcão Copahue com seu pequeno glaciar são alguns dos elementos identificáveis da evolução morfológica da região.

História de Caviahue

Desde a antiguidade as diferentes culturas conheceram e utilizaram as águas termais de Copahue para preservar a saúde e aliviar dores. Em tempos mais recentes, as Termas de Copahue se converteram no centro de descanso de milhares de visitantes nacionais e estrangeiros, mesmo antes de existir alguma infra-estrutura.

Desde 1983 registra-se o começo da instalação permanente de famílias na Villa de Caviahue Mas apenas em 8 de abril de 1986 com uma população de aproximadamente 60 famílias, funda-se a Villa de Caviahue.

Em junho de 1988 foi criada a Comissão de Fomento de Caviahue- Copahue ,assumindo em agosto do mesmo ano o primeiro presidente, Don Oscar Mansegosa. Em fevereiro de 1999 passou a ser municipalidade.


O que visitar en Caviahue


Centro de Esquí Caviahue

Este centro oferece ao esquiador a possibilidade de deslizar tanto entre bosques de araucárias como pelas encostas do vulcão Copahue , de 2970 mts de altura. A alta qualidade e quantidade de neve permitem que se tenha uma das mais longas temporadas de inverno: de junho a outubro para se desfrutar da neve.

Mais informações na página: Ski em Caviahue


Caviahue en invierno. Al fondo el Volcán Copahue - Foto: Alejandra Melideo


Cascada Escondida

O trajeto para se chegar a ela é feito à pé ou a cavalo e no inverno em esqui de fundo ou snow cats . Está situada a 3 km de Caviahue em direção a oeste e se passa por uma trilha de onde se observa sua queda de aproximadamente 15 metros. A cascata está rodeada por bosques de araucárias, ñires e lengas (tipos de árvores regionais), salpicadas de mutisias formando uma paisagem digna de admiração.


Salto del Agrio

Encontra-se a noroeste do Parque Provincial Copahue. Saindo de Caviahue pelas RP 26 e 27 por 16 km e desviando em seguida à esquerda por mais 2 km.

O salto, de aproximadamente 70 metros, cai em uma piscina cujas paredes mostram a forma de colunas do basalto. Nesse maravilhoso lugar, pode-se apreciar a amálgama de cores dispersas nas rochas adjacentes e o leito do Rio Agrio que vão do vermelho ferrugem ao verde azulado.


Salto del Agrio. Al fondo el Volcán Copahue - Foto: Patricia Sgrignuoli Broggini


Praias Del Lago Caviahue

Das praias do setor sudeste do lago se apreciam os penhascos das rochas próximas. É um lugar ideal para desfrutar das tardes de verão, aproveitando o frescor e a sombra que dão as araucárias e as ñires . O local permite a prática de atividades passivas como ler, tomar sol ou simplesmente deleitar-se com um bom mate, assim como esportes na areia. Não se aconselha tomar água do lago, tomar banho ou nadar já que suas águas são de alta acidez.


Playas Lago Caviahue - Foto: Alejandra Melideo


Cascadas del Río Agrio

Desde Caviahue à direita, pela RP 26 se percorre 500 metros atravessando a ponte sobre o rio Agrio, subindo um trecho de terra que vai contornando as cascatas: Do Basalto (3 m), Cabellera de la Virgen (20 m), da Culebra (4 m) e do Gigante. Esta última se caracteriza por ter dois saltos médios divididos por um bloco de basalto que se assemelha a um rosto de perfil, e por uma esplêndida vista do Volcán Copahue.


Cascada del Basalto - Foto: Argentour.com


Mirante Del Lago Caviahue

Este é um dos pontos panorâmicos de Caviahue de onde se pode tirar esplêndidas fotografias do Lago Caviahue, a vila e as colinas ao redor, como o vulcão Copahue ou a colina Pirâmides, ou simplesmente observar e desfrutar da maravilhosa vista que nos brinda esse lugar. Dado seu potencial panorâmico e interpretativo e sua localização ( caminho para Copahue, bordeando a RP 26) essa parada se tornou passagem obrigatória para turistas e excursionistas.


Caviahue y lago visto desde el Volcán Copahue - Foto: Patricia Sgrignuoli Broggini



O QUE VISITAR EN Neuquén